• fevereiro 2017
    S T Q Q S S D
    « jan    
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728  

Planeta 9 e o fim do mundo

planeta-9

Já faz algum tempo em que a comunidade científica mudou o nome do Planeta X para Planeta 9, porém ele ainda continua em estágio hipotético e como incógnita. A lenda criada nele remete para o fim do universo , ou seja, um planeta sugador de tudo que existe no espaço. Nada comprovado, mas a nova hipótese criada pelo Dr Veras abre passagem para a ordem mundial de Baha’u’llah regida pelo mesmo número.

“29. Dize: Este é aquele conhecimento oculto que jamais há de mudar, pois inicia-se com o nove, o símbolo que representa o Nome oculto e manifesto, inviolável e inacessivelmente excelso…” (Kitab-i-aqdas- Baha’u’llah)

Agora vejamos o pensamento do Dr veras:

“…Mas é bom que se frise: São conjecturas e hipóteses e, ainda que todas se provem corretas – incluindo a existência do Planeta Nove -, os efeitos só se farão sentir depois que a vida na Terra já tiver sido extinta há muito tempo, de morte natural, por assim dizer….” (professor Dimitri Veras)

Fé x Razão. A teoria cientifica nesse caso vai contra as profecias, pois durante a destruição do espaço descrita em Apocalipse 6:13, quando as estrelas do céu caírem na terra, ainda teremos humanos por aqui que vão fugir para as montanhas e cavernas (Apocalipse 6:15).

A   teoria do Dr Veras – bem como a comunidade científica em sua grande maioria- não serve para a fé cristã, porém encontra-se um amplo espaço para ser utilizada na fé Bahá’i. Ora, tal teoria nos leva a crer em “relaxar”, pois o fim do mundo só acontecerá daqui milhões de anos. Sendo assim, temos tempo de sobra para transformar a terra em um paraíso. Um lar esotérico para as mais diversas religiões que estão envolvidas no abrangente abraço do cristo cósmico e lutando pelas suas causas, mesmo diante desse retrocesso protecionista que assistimos.

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=planeta-nove-trazer-final-tragico-sistema-solar&id=010130161011

O avanço eco terrorista político

“A Terra é um só país e a humanidade seus cidadãos” ( Baha’u’llah)

A frase do cristo cósmico e muito doce para a boca, porém se torna amarga e insuportável ao estômago. É assim que podemos definir a eco agenda que está sendo implantada. Cada pessoa, cada governante e cada monstro interpreta o pensamento descrito acima de acordo com os desejos do coração.

Recentemente, os marginais do PSDB, liderados pelo governador de São Paulo (prefiro nem escrever por aqui o nome desse monstro infernal que se acha dono do Estado) , privatizaram uma série de parques. Através de uma manobra extremamente suja e imunda Cauê Macris e mais 21 ladrões entregaram 25 parques para a iniciativa privada fazer o que bem quiser com o pouco de área verde que sobrou do Estado. As atrocidades vão desde a expulsão de moradores locais (índios e africanos) até a exploração sem qualquer preocupação em reflorestar a área. Nada impede que as pessoas no futuro tenham que pagar para entrar no que sobrará dos parques.

Outro exemplo agravante são as lâmpadas ecologicamente corretas. Antigamente – e isso não faz tanto tempo assim uma lâmpada custava R$.1,50, porém com a implantação da agenda ambiental algumas estão custando R$10,00 e começam a desaparecer das prateleiras restando lâmpadas cada vez mais caras.R$20,00 R$30,00 …e chegam até o absurdo de R$.199,90 ( link no final do post).Lâmpada econômica? Nada poderia ser mais absurdo!

Essa é a forma com que a agenda ambiental realmente está sendo colocada na prática, ou seja, temos aqui a visão do capital e seu modo de exploração e lucro.

http://www.brasilpost.com.br/2016/06/08/projeto-que-privatiza-25-_n_10351980.html

http://www.leroymerlin.com.br/lampada-led-golden-alta-potencia-bulbo-40w-branca-bivolt_89175933?origin=68267611cfb05d940a41a3ed

Meio ambiente

paraiso“…A Casa Universal de Justiça tem se referido ao conjunto de edificações como a Metrópole do Reino de Deus na Terra, de onde irradiarão as luzes espirituais que iluminarão a nova civilização….” (Parecer da comunidade Bahá’i para uma governo mundial)

A Casa Universal de Justiça e a Guardiania , instituições gêmeas da Ordem Mundial de Baha’u’llah, tem como função estabelecer o reino dele na terra e um dos principais alicerces está na sustentabilidade ambiental, assunto dessa categoria.

Como podemos observar, a meta final de Baha’u’llah é transformar o planeta em um suposto paraíso descrito no livro de Gênesis através de instituições auxiliares como a ONU. Nessa etapa surge o conceito ético e moral ambiental. Como criar leis? Como o povo se comportará e viverá submisso ao governo mundial? Essas são perguntas em que a comunidade Bahá’i, a ONU e os demais governantes buscam soluções.

Porém, suas soluções estão muito longe de buscar no sentido ético do bem estar dos povos e sua integração com a natureza. Como tudo que se alia ao capital, a agenda ambiental se transformou em um mecanismo de corrupção, onde o lucro, a astúcia e a ganância são verdadeiras armas contra o povo.

Agenda 21, Carta da Terra, Metas/Objetivos dos milênio, crédito de carbono e outros documentos foram os principais agentes éticos criados para mudar a moral (nesse caso os costumes dos povos) em nome da preservação do planeta, porém a maior parte desses documentos se tornaram inúteis e muitos pactos jamais aconteceram.

Mas nem por isso a ditadura ecológica deixou de ser implantada, por exemplo: Vários estados transformaram sacolas plásticas que são muito utilizadas para descartar lixo doméstico como vilãs do meio ambiente. O dinheiro que até então estava embutido nas mercadorias foi dobrado, pois as pessoas agora são obrigadas a pagar por sacolas. Existe também a substituição de lâmpadas por modelos que custam 30 vezes mais caro, mas que agora são ecologicamente corretas.

A mudança de conceito é outro ponto fundamental. Para que as pessoas bebam no futuro água de esgoto as palavras foram substituídas por água de reuso. Mas talvez o maior projeto da farsa seja transformar a economia mundial em economia verde, onde parte do dinheiro irá supostamente para financiar países do terceiro e quarto mundo.

Vale apena enfatizar algo importante…Quem tem o controle da economia no futuro e a Casa Universal de Justiça e Guardiania. Biblicamente falando a besta de dois chifres. Isso faz muito sentido, pois será ela que implantará a marca da besta do abismo. A besta de 10 chifres se transformará no executor da ética ambiental. Implantando a força quando for necessário.

Manipulação, propaganda enganosa, falta de transparência, uso da religião…esses são alguns artifícios usados para conquistar o mundo nessa ordem mundial.

http://www.bahai.org.br/acao-social/principios-em-acao/desenvolvimento-e-sustentabilidade

http://www.aben.org.br/virtual/hoeck1.htm