Missão da ONU no Haiti foi sucesso

Essa frase é de um tal Aloysio Nunes durante a  cerimônia de passagem de comando do 25º ao 26º e último contingente militar de tropas brasileiras. Segundo esses monstros usurpadores em breve o Haiti viverá uma paz. Nada poderia ser mais irreal e mentiroso!

Do ponto de vista global e da nova ordem mundial de Baha’u’llah, O Brasil conseguiu alguns pontinhos básicos para entrar no Conselho de Segurança da ONU, agência da ONU candidata a se transformar-se nos nove eleitos do executivo mundial,  quando em algum dia acontecer a reforma.

Com o país devastado surgiu  aristocracia da burguesia internacional, onde EUA, França, Brasil e outros aliados agora podem dividir o território, administrando e roubando as riquezas naturais. No caso dos EUA, é bem provável que tenha o interesse  em petróleo e ouro.

http://www.margueritelaurent.com/pressclips/oil_sites.html#oil_GeorgesMichelEnglish

Já esse país corrupto e nojento chamado Brasil (me refiro aos governantes e ex-presidentes (as) ), instalou-se a tradicional “corruptocracia”. Empresas envolvidas em escândalos como a  Odebrecht e OAS, ambas operam superfaturando obras como estradas e aeroportos para transportar as riquezas do país, conseguida com muito suor dos escravos e da mão de obra barata que sobrou por lá.

As forças de paz da ONU e a parceria brasileira pouco ou nada fizeram pelo povo que está jogado a própria sorte. Percebe-se claramente que esse exército mercenário de estupradores somente foi utilizado para proteger as grandes corporações que se apossaram do Haiti e também cooperaram muito com a destruição de qualquer movimento social. Dessa forma,  a mão de obra escrava não pode reagir e tem que aceitar um salário absurdo de 3 dólares  ao dia e isso com muita sorte.

O que resta para esse povo sofrido e tentar a vida em outro lugar. E assim, milhares de haitianos chegam a o Brasil na busca de uma vida melhor. Um país que está em crise e que passa por período de austeridade, onde nossos governos, seja Temer, Lula, Dilma, Alckimin, João Dória e outros insuportáveis, cooperam para que o mesmo caos instalado por lá seja feito aqui.

Referências:

http://www.portalr3.com.br/2017/06/militares-brasileiros-do-recife-e-do-rio-de-janeiro-retornaram-do-haiti/

http://www.odebrecht.com/pt-br/comunicacao/releases/aeroporto-de-porto-principe-retoma-operacoes-apos-obras-de-recuperacao

http://resistir.info/galeano/haiti_18jan10.htm

Anúncios