• fevereiro 2017
    S T Q Q S S D
    « jan    
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728  

A diversidade e os verdadeiros traficantes

De fato, um mundo globalizado será formado por todas as tribos. Deve-se ter espaço para maconheiros, usuários de crack, LGBTS e outros tipos de desvios sociais. Isso chama-se unidade da diversidade. O fim de toda forma de preconceito da Ordem Mundial do cristo cósmico Baha’u’llah.

O que levaria um senhor de 85 anos a “lutar” tanto pelo direito dos maconheiros (ops!!! Direitos humanos)? Estaria inalando o aroma da unidade da diversidade  de Baha’u’llah ou um interesse financeiro? É provável que tenha unido o inútil ao desagradável, por exemplo:  Vejamos a sua solução dele para os viciados em drogas em uma entrevista:

Em suas viagens e experiências para conhecer melhor o problema das drogas no mundo, que tipo de abordagem e política pública o sr. conheceu que lhe chamou a atenção como exemplo positivo?

São diversos exemplos. Os que mais me chamam atenção são as políticas que reconhecem que algumas pessoas vão usar drogas sempre, mas que é possível reduzir os danos envolvidos nesse uso.

As salas de uso seguro, por exemplo, existem na Suíça desde 1986. São lugares onde pessoas que têm problemas sérios de dependência de determinada substância recebem-na em quantidades e com qualidade controlada para fazer uso sob a supervisão de pessoal de saúde, cortando o vínculo dessas pessoas com o mercado ilegal.

Esse senhor chama-se Fernando Henrique Cardoso, um dos responsáveis pelo início do caos e fim dos direitos sociais na presidência da república brasileira. Como pode um homem tão idoso pensar apenas em poder?  Com essa idade deveria se preocupar com a morte e tentar se arrepender de tantos males que fez para a população, mas não…se comporta como fosse um jovem da década de 70 louco por maconha. Louco não para ajudar os dependentes, mas induzir a um vício mais “leve” e supervisionado, em outras palavras, se não tem cura deixa fumar…Tenha paciência!

Mas por outro lado, qual governante não queria ter uma população de imbecis que se preocupam apenas em fumar maconha enquanto o grande traficante fatura milhões. Esse é o sonho de qualquer fascismo neoliberal e isso independente do partido (esquerda ou direita).

Esse é o poder do controle em vendas das sementes de maconha que ele vem durante anos tentando conquistar espaço no Brasil, ou seja, ser o traficante legalizado.  A conquista do seu poder começou com a criação da Comissão Global de Políticas sobre Drogas. Ora, o que estamos assistindo é apenas uma transferência do crime organizado para políticos organizados…

E assim, com a desculpa esfarrapada de direitos humanos vem negociando no mundo esse precioso mercado com outros monstros semelhante a ele.

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2010/08/06/os-12-principios-da-nova-ordem-mundial/

https://noticias.terra.com.br/brasil/faltam-politicos-corajosos-no-debate-sobre-drogas-diz-fhc,41201b0a81b10a6584775d871c34ef00cttwhjxx.html