A interpretação da Estatua do sonho de Nabucodonosor

Na medida em que o google foi “evoluindo” suas buscas tornaram-se relativistas. Ao pesquisar sobre o tema o primeiro site, assim como em quase tudo que se procura, o buscador retorna o Wikipédia como autoridade final do Apocalipse.

Ao entrar nesse site existem várias interpretações como: a histórica e católica. Compete ao leitor escolher aquele que mais lhe agradar. Também existem outras variações nos outros sites que lideraram a pesquisa, mas todas oscilam sobre os mesmos erros.

No primeiro erro a profecia acontece quando ela é considerada algo do passado. Esse é um erro comum praticado pelos teólogos que estudam hermenêutica. Ora, investigar o passado não significa considerar que o futuro profético não existe. Algumas divisões do adventismo e outras divisões do cristianismo interpretam o último reino como a União Européia. Ora, se os pés da Estatua que são de Barro representa a presença de reinos fracos ou países em desenvolvimento isso não faz sentido. Outro erro está em dividir a estátua de Nabucodonosor em cinco reinos.

Sobre os impérios

estatua nabucodonosor

É correto afirmar que o Império Babilônico é a cabeça da estátua, pois o próprio profeta da Daniel descreve isso. Sem dúvida o esplendor da civilização Babilônica pode ser vista em um outro post:

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2014/10/06/grandes-civilizacoes-imperio-babilonico/

O império Medo-Persa também pode ser representado apenas pelo império Persa, pois em 550 ac o príncipe da Pérsia Ciro o Grande consolidou seu império derrotando os Medos. O esplendor da civilização Persa pode ser vista com detalhes no post abaixo:

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2014/10/05/grandes-civilizacoes-o-imperio-persa/

Costuma-se interpretar que o próximo império seria o Grego. Embora os fatos históricos da Grécia sejam importantes, eles estão centralizados apenas na filosofia.

O próximo império dessa interpretação feita usando o senso comum é o Romano. Abaixo segue uma breve história do esplendor dessa era:

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2014/10/01/grandes-civilizacoes-imperio-romano/

Embora o império Romano esteja correto ele e os anteriores sofrem alteração na posição da estátua, ficando da seguinte forma: A cabeça=Babilônico, Tronco=Persa e Cintura/quadris= Romano.

A descrição que existem quatro reinos é melhor analisada quando se estuda os seguintes versículos:

A descrição do império Babilônico: E onde quer que habitem os filhos de homens, na tua mão entregou os animais do campo, e as aves do céu, e fez que reinasse sobre todos eles; tu és a cabeça de ouro. (Daniel 2:38)

 A descrição do segundo e terceiro reino ( O Persa): E depois de ti se levantará outro reino, inferior ao teu; e um terceiro reino, de bronze, o qual dominará sobre toda a terra. (Daniel 2:39)

E finamente o quarto reino: E o quarto reino será forte como ferro; pois, como o ferro, esmiúça e quebra tudo; como o ferro que quebra todas as coisas, assim ele esmiuçará e fará em pedaços.(Daniel 2:40)

Nos versículos 41,42 2 43 de Daniel 2 explicam que as penas e os pés são elementos do quarto reino. A mistura com o barro acontece para exemplificar uma certa divisão e fragilidade nesse reinado da futura besta de 10 Chifres descrita em Apocalipse 13.

41  E, quanto ao que viste dos pés e dos dedos, em parte de barro de oleiro, e em parte de ferro, isso será um reino dividido; contudo haverá nele alguma coisa da firmeza do ferro, pois viste o ferro misturado com barro de lodo.
42  E como os dedos dos pés eram em parte de ferro e em parte de barro, assim por uma parte o reino será forte, e por outra será frágil.
43  Quanto ao que viste do ferro misturado com barro de lodo, misturar-se-ão com semente humana, mas não se ligarão um ao outro, assim como o ferro não se mistura com o barro.

E assim, voltamos novamente para os estudos atuais analisando as noticias até que DEUS nos revele quais países de fato farão parte dos chifres da Besta. Segundo a ordem mundial de Baha’u’llah o que temos até o momento é a Inglaterra (futuramente representada pelo Anticristo), os outros 9 chifres, também conhecidos como 9 mestres eleitos estão sendo disputados através de ritos maçônicos pelo mundo.

Candidatos é que não faltam. Entre eles temos o Conselho de Segurança da ONU, A Casa Universal de Justiça da Comunidade Bahá’i, Blocos Econômicos e o FMI, mas somente no tempo de DEUS ficáramos sabendo de onde virão.