Estado Islâmico, sua face sombria e a Ordem Mundial de Baha’u’llah

Muitas coisas estranhas que merecem reflexão surgem no suposto califado de Abu Bakr al-Baghdadi. As duas tentativas de criar um califado no passado foram destruídas. Uma em 750 d.c. e outra em 930 d.c. O motivo de ambas foi o mesmo, pois os seguidores de Maomé não aceitavam os auto proclamados califas como verdadeiros.Claro que todos são falsos, mas na cabeça desse povo maluco…Abaixo temos algumas consequencias dessa nova prática de terror:
1) Abastecer o demônio renfã que é a imagem de Baha’u’llah (Atos 7:43) com sangue pelo mundo

A pratica de degolar pessoas causa grande perda de sangue. Isso se transforma em sacrifícios para esse demônio.
Como descrito na noticia no final desse post o EI já começa mostrar para o povo suas cenas de degolações. O sociólogo Emar Jafar disse em uma entrevista que essa técnica é para que a população seja condicionada com esse tipo de morte e recrutar novos combatentes, mas esse recrutamento está ligada ao mundo inteiro.
Mesmo que o EI seja destruído o pensamento já se espalhou. São monstros como esses que vão degolar milhares de pessoas durante a grande tribulação descrita em Apocalipse 20:4. Aqui no “brasil” a prática da degolação começa a surgir dentro dos presídios.
2) A falsa da falsa profetada do reinado do Imã Mahdi
Isso acontece devido a neutralidade dos ensinamentos Bahá’is. O cristo cósmico Baha’u’llah em seus ensinamentos não gera uma conversão ou arrependimento como o cristianismo, mas apenas uma adaptação conforme o coração de cada pessoa. Nesse caso, o falso califado de Abu Bakr al-Baghdadi está baseado em uma profetada pior do que a do Imã Mahdi pelos xiitas do ira. Nessa profecia do Irã eles aguardam sem saber o reinado de Baha’u’llah, do anticristo e de seus nove mestres eleitos. No caso do Ei, Abu pensa que é o cristo cósmico.
3) O senhor das armas está de volta!
“Acreditamos que estamos falando de anos”, disse o almirante John Kirby sobre o tempo necessário para destruir o EI. O que dizer diante dessa frase? Ora, o imperialismo babilônico americano acabou de abrir um novo comércio de armas extremamente lucrativo no oriente médio.
4) Mais um grupo terrorista fabricado
É de se estranhar que um ex prisioneiro de guerra saia tranqüilamente da prisão e crie um califado diante dos EUA sem que eles não saibam. Se esse grupo representa recursos novos ao imperialismo para a venda de armas, ele também representa uma estratégia para criar a geopolítica americana no oriente médio. Vimos em um outro post (link no final) algumas dessas divisões. No caso do mundo islâmico, a intenção é unir países como Irã, Arábia Saudita, Afeganistão, Emirados Árabes em um único bloco econômico e cultural. Utópico, mas os governantes do imperialismo babilônico americano tentam colocar em prática.

Referências:

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2014/09/22/iii-guerra-mundial-e-a-geopolitica-americana/
http://extra.globo.com/noticias/mundo/estado-islamico-abre-cinema-que-exibe-seus-crimes-14040845.html#ixzz3EMKvUfo8
http://pt.danielpipes.org/14809/califado-tras-traumas
http://escola.britannica.com.br/article/480883/califado
https://apocalipsetotal.wordpress.com/2008/11/11/ahmadinejad-anuncia-o-reinado-do-ima-mahdi/

Anúncios