O neoliberalismo e a diversidade cultural na Escócia

“Todos os três principais partidos estão unidos na promessa de transferir novos poderes, mais impostos e políticas de bem-estar social para a Escócia. Mas a oito meses de uma eleição nacional, os conservadores de Cameron se envolveram em uma disputa rancorosa com o Partido Trabalhista, de oposição, sobre quando e como isso poderia acontecer…”

 Pelo menos até o momento pode-se destacar dois fenômenos do processo de globalização. O primeiro está relacionado a vitória da política neoliberal britânica. Deixar as coisas como estão permite que a Escócia não seja introduzida no socialismo.

 O Segundo fenômeno diz respeito a ordem mundial de Baha’u’llah, nesse caso ele acontece na manifestação cultural da Escócia, pois as pessoas vão continuar submissas aos Ingleses. O que nos leva a deduzir que nesse evento temos um pequeno teste para ser aplicado em escala global. Embora a antropologia seja relativista, o caminho do homem moderno continua seguindo os conceitos universalistas das grandes potências mundiais.

 

https://br.noticias.yahoo.com/l%C3%ADder-nacionalista-diz-que-escoceses-foram-enganados-em-164743483.html