A estratégia do hamas

“Conselho de Segurança pede cessar-fogo imediato em Gaza – O Conselho de Segurança das Nações Unidas adotou durante a madrugada desta segunda-feira uma declaração que pede um cessar-fogo humanitário, imediato e sem condições, que permita prestar ajuda aos civis.”

O grupo palestino hamas que sonha com o poder não possui qualquer condições de enfrentar o exercito do governo israelense e o imperialismo babilônico americano. Suas bombinhas servem apenas para atormentar a vida do povo que mora em Israel e que não tem nada a ver com essa guerra egoísta  e de vaidades que está em ambos os lados.

Porém, tal atitude serve como uma tentativa de mobilizar a comunidade internacional, nesse caso estabelecida no Conselho de Segurança da ONU, um forte candidato ao controle do exército mundial de Baha’u’llah (biblicamente falando a besta de 10 chiffres). Nesse caso, o hamas,  através do uso de escudo humano e crianças, pretende sensibilizar governantes para um futuro ataque ao Estado de Israel.

Mas ainda falta autoridade ao Conselho de Segurança, pois suas decisões não possuem qualquer valor real. Autoridade essa que surgirá com a chegada do executivo mundial da nova ordem mundial. Não que as coisas irão mudar muito, mas vamos continuar assistindo banho de sangue de pessoas inocentes de ambos os lados por algum tempo que servem apenas para alimentar o demônio estrela renfã (a futura imagem de Baha’u’llah), pois o hamas sempre lança seus foguetinhos de forma periódica.

http://estudosdafe.wordpress.com/category/o-exercito-mundial-de-bahaullah/
https://br.noticias.yahoo.com/conselho-seguran%C3%A7a-pede-cessar-fogo-imediato-gaza-101126052.html