Prefeito de São Paulo coloca o Estatuto do Zumbi em prática

Resumo da notícia: Haddad quer tirar dependentes da Cracolândia com oferta de emprego – Prefeito diz que não adotará medidas “higienistas” e que caso é de saúde.Ação será baseada em modelo usado na Holanda (..)Segundo o prefeito, a gestão municipal está conversando há cerca de um mês com as lideranças dos dependentes que vivem nas ruas na região da Cracolândia…”

Inspirado no  Estatuto do Zumbi que surgiu através da diversidade de Baha’u’llah, o prefeito de São Paulo chega ao ponto de usar as mesmas palavras desse documento. A proposta de emprego não possui fundamento, mas quando vemos como isso abriu as portas do vício na Holanda fica fácil de entender o jeito brasileiro de legalizar a droga.

No ano passado, inspirados no princípio do cristo cósmico Baha’u’llah, sobre o fim de toda forma de preconceito, o Conselho Federal de Psicologia e o Ministério Público criaram o Estatuto do Zumbi. Haddad nem disfarça suas intenções e usa os mesmos termos durante a entrevista, por exemplo a palavra “higienistas” está no Artigo 4 do estatuto. A função desse artigo é tirar a polícia da jogada:

4. DENUNCIAR AS AÇÕES CONSERVADORAS, POLICIALESCAS, HIGIENISTAS E CRIMINALIZADORAS CONTRA AS POPULAÇÕES FRAGILIZADAS

A política de supostamente criar emprego aos zumbis está no Artigo 9 do estatuto:

9. POR UMA POLÍTICA INCLUSIVA E INTEGRAL DE ATENÇÃO ÀS PESSOAS QUE USAM DROGAS CONTEMPLANDO AÇÕES DE TRABALHO, HABITAÇÃO, EDUCAÇÃO, CULTURA, ARTE, ESPORTE, ACESSO À JUSTIÇA, SEGURANÇA PÚBLICA, SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL;

Ora, se não existe uma política habitacional para os sem tetos como será criada essa outra? Tudo indica para mais uma mentira política, porém isso mostra como o Estatuto do Zumbi está sendo colocado em prática diariamente, pois fumar crack já está sendo visto com um direito humano das sociedades frágeis, representadas por suas lideranças (zumbis com um pouco de nível mental  e socialistas) .

Se o projeto ficar parecido com o da Holanda em breve teremos zumbis ambientais  recolhendo o lixo da cidade. Acendem uma pedrinha ali outra aqui e recolhem algum papel do chão.  Só falta saber se terão a cesta vício com cigarros, pedras  e bebidas como é feito por lá. Afinal, eles precisam de motivação.

https://apocalipsetotal.wordpress.com/2012/02/06/o-estatuto-dos-zumbis-do-crack-esta-pronto/
http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2014/01/haddad-quer-tirar-dependentes-da-cracolandia-com-oferta-de-emprego.html
http://www.nytimes.com/2013/12/05/world/europe/amsterdam-has-a-deal-for-alcoholics-work-paid-in-beer.html?_r=1&

Anúncios