O evangelho e a política

Nem acabou o ano e os políticos mais podres e imundos começam a procurar igrejas para receberem orações. O caso abaixo aconteceu em uma igreja na qual o Malafia é dono. Um político do PT o procurou para receber orações, porém as  justificativas desse pastor são tão absurdas que abaixo delas seguem um comentário:

1) Lindbergh esteve em dois cultos da nossa igreja neste último domingo (13). Não deu uma palavra se quer, tampouco sentou no púlpito.

Comentário: Fica evidente que se trata de campanha pré-eleitoral. Essa tática é muito usada em igrejas, por exemplo:  Na última eleição o Missionáro Erre Erre Soares fez algo parecido, mas com o seu filho. O mesmo o acompanhava em vários cultos sem falar nada, mas a propaganda promovendo a imagem funcionou. Essas criaturas ficam quietas por que não possuem qualquer plano de governo ou lei que possa ajudar o povo. Lindbergh como outros querem apenas  votos evangélicos para serem eleitos e continuarem roubando.

2) Tenho aprendido com a Bíblia o que está escrito em 1 Timóteo 2 1-3: “Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade; Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador”.

Comentário: Opa! Opa! Nada de tirar versículos do contexto para justificar propaganda eleitoral!  A passagem é clara e fala para que oremos as autoridades para ter uma vida de paz.  Esse político nem sequer o governador ou prefeito.

Em I Timóteo 2:4 fala que um dos objetivos é salvação mediante ao arrependimento dessas autoridades. Isso também não é caso desse político, pois para ele roubar não tem nada demais:

Resumo da notícia: Os esquemas do ex-líder estudantil -Fitas de vídeo e gravações com ex-assessores revelam como o ex-presidente da UNE Lindberg Farias se envolveu com uma série de fraudes e casos de propina depois que virou prefeito (Revista isto é)

Se você malafia fosse realmente um homem de DEUS  teria feito como o Profeta Elias, ele tentava admoestar o rei Acabe de suas faltas sempre que necessário. Você não tem coragem de falar a verdade em público.

“Qualquer autoridade que chegar na minha igreja, eu gostando ou não, faço uma oração por ela. Aprendi a honrar e obedecer protocolos.”

Comentário: Se Hitler o procurasse pedindo orações o tal pastor o receberia de braços abertos. Afinal, os dois possuem muito em comum, especialmente no que se diz na forma de oratória hipnótica gritante.O mesmo aconteceria até com o Anticristo se ele pedisse apoio da igreja durante o  seu reinado. Se você defende idéias, as dele serão muito boas, pois promoverão a unicidade do cristo cósmico Baha’u’llah, porém isso não é de DEUS.

3) Nós, evangélicos, temos que entender que na época das eleições cada um vota em quem quiser. Depois que se ganha, mesmo que não seja o meu candidato, pela Bíblia, como cristão, tenho que interceder por ele. Se o governador Sérgio Cabral chegar na minha igreja (diga-se de passagem que eu não tenho nada com ele e quero distância dele), sou obrigado a interceder e honrá-lo. Que tipo de cristão somos nós?

Comentário: Humm! Revelou suas verdadeiras intenções. É…. Realmente são eleitorais. A mentira tem perna curta renomado pastor!

4) Lindbergh não esteve na minha igreja como evangélico, e na verdade nunca ouvi ele dizer que era. Mas alguns que se dizem cristãos e estão na política, põem em seus blogs e sites inverdades. Deviam aprender com Jesus que diz que a mentira é do diabo (João 8.44).

Comentário: Já dizia Karl Marx: “ A religião é ópio do povo” e Lindbergh segue isso à risca como comunista stalinista. Ele não mente que é ateu, mas mente ao dizer que o procurou apenas para receber orações.

5) Aprendi também com a Bíblia que uma das coisas mais importantes da vida cristã é a gratidão. Quando o ativismo gay me denunciou de maneira caluniosa ao Ministério Público Federal, tirando o senador Magno Malta que é evangélico, foi Lindbergh Farias que me defendeu na tribuna do senado contra essa aberração, e lá existem outros senadores evangélicos que ficaram quietinhos. Por essa posição, Lindbergh “apanhou” um bocado do PT. É por isso que digo que voto em pessoas e não em partidos.

Comentário: O comunismo possui várias divisões ( socialismo, anarquismo, comunismo, libertários…), porém algumas incorporam tendências capitalistas como Lênin fez e entre elas está em sacrificar um pouco a ideologia da cúpula partidária para conseguir votos. Nesse caso ele o defendeu pensando nos votos evangélicos e pouco importa com a vida de um pastor insensato que só possui fama.
Só existem duas posições políticas criadas por satanás no momento. A primeira da política neoliberal  de direita e a segunda progressista  de esquerda qualquer uma dessas ideologias vão contra os princípios bíblicos.

6) Para finalizar, mais uma vez reitero, Lindbergh Farias não deu uma palavra na minha igreja, não sentou no púlpito, não fiz nenhuma insinuação de pedir votos pra ele, simplesmente orei e intercedi por ele e pela sua família.

Comentário: Você  já falou isso no item 1. Por qual motivo está repetindo tanto a mesma coisa? Você sabe que está mentindo! Você sabe que está falsificando! Você sabe que está adulterando a palavra? É  necessário criar vergonha na cara.

http://www.istoe.com.br/reportagens/3645_OS+ESQUEMAS+DO+EX+LIDER+ESTUDANTIL

http://www.verdadegospel.com/lindbergh-farias-visita-advec-pr-silas-comenta/?area=1