A busca interior e a importância das cartas às sete igrejas

Durante anos tentei expor a ordem mundial de Baha’u’llah para as pessoas. Palestras, milhares de artigos e alguns contatos pessoais. Quase tudo foi em vão! Minha existência na terra foi inútil e me transformei em uma árvore seca.  O que poderia estar errado? O tempo parece parado em relação as profecias.Vejo minha alma em agonia assistindo o lento emergir do monstro da lagoa. Somente ao ler esses versículos comecei a ver uma luz no fim do túnel:

Achei-me em espírito, no dia do Senhor, e ouvi, por detrás de mim, grande voz, como de trombeta,

dizendo: O que vês escreve em livro e manda às sete igrejas: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodicéia . Apocalipse 1 (10:11)

Foi então que entendi…Falta a cada um de nós (inclusive esse que vos escreve)  conhecer melhor a si mesmo e fazer um ato exame da consciência. No  primeiro capitulo de Apocalipse JESUS mostra todo o seu poder sondando os corações e mentes não só dos líderes das igrejas, mas cada membro. Falsos apóstolos são denunciados e práticas pecaminosas, avareza, frieza no coração, abandono da fé  de membros são reveladas, porém todos são admoestados ao arrependimento.

Esse é o tempo de olharmos para dentro de nós e descobrir qual é a igreja que habita em nosso coração. O tempo de entender primeiramente a nossa natureza humana  para ser controlada para depois entender algo maior que envolve uma nova ordem mundial, social, política e religiosa, mas conhecida como o reino da besta do abismo e do anticristo.