Uma análise da música de Katy Perry – Wide Awake

revisado e atualizado em 01/07/12  – texto adicionado sobre o poder mágico da tríade (999) nessa canção.

“As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais.”  (I Coríntios 2 : 13)

As pessoas que gostam do som de Katy Perry devem ter se espantado com a mudança drástica no estilo do seu som. Uma de suas  músicas ganhou peso, técnica, estilo e harmonia, mas tudo isso aconteceu devido ao pacto satânico que ela fez em busca do conhecimento oculto dos mistérios maiores, ou seja, faça o que quiser, mas não revele o nome do prometido de todas as eras.

Seu agradecimento a satanás aparece nas seguintes frases: “Estou bem acordada//Sim, nasci novamente// Estou bem acordada/// E agora está claro para mim// Que tudo que se vê //Nem sempre é o que parece”

Katy inicia o seu vídeo mostrando a transição para o ocultismo através de uma outra música  chamada “California Gurls”, um hit comum, alias bem doce e enjoado, para uma música de impacto.

Katy se vê diante do espelho que serve como portal mágico para o inferno. O seu rosto de menina boba se transforma em uma poderosa sacerdotisa ocultista. A frase “I’m wide awake (Estou bem acordada)” serve como condicionamento ao ouvinte para que ele se mantenha acordado durante o ritual que vai acontecer, pois o satanismo trabalha muito com o estado de transe hipnótico.

Ela inicia a sua jornada rumo aos  mistérios maiores com uma lamparina em busca da luz de lúcifer para encontrar o fruto  da árvore do conhecimento do bem e do mal, representado aqui por um morango vermelho (Gênesis 2 : 17).

Após comer do fruto, uma energia cósmica sai de suas mãos e irradia pelo corpo. Ela diz a frase “Falling from cloud 9 (caindo da nuvem número 9)” (Apocalipse 13 : 18) , uma frase que em português  representa o sentimento de euforia através do número do prometido (o nove) e o derramamento do seu espírito sobre os habitantes da terra, mais conhecido como o falso espírito santo. Ao prestar culto ao número nove, Katy está obedecendo a lei mais sagrada do Kitáb-i-aqdas de Baha’u’llah descrita abaixo:

K29. Dize: Este é aquele conhecimento oculto que jamais há de mudar, pois inicia-se com o nove, o símbolo que representa o Nome oculto e manifesto, inviolável e inacessivelmente excelso..(kitáb-i-aqdas)

Katy faz duas tríades (999) quando diz “cloud 9 “durante a canção para que o ouvinte seja bem condicionado em aceitar o número sagrado da nova ordem mundial. Quando ela diz: “Yeah, I’m falling from cloud 9 “. Ela faz a confirmação da tríade (999), seria como falasse:  Sim! O número da nova ordem mundial é 999 e eu estou caindo nesse abismo com você.

Cada vez que a pessoa repete esse refrão (isso de forma involuntária) está deixando que um pouco do espírito da unicidade de Baha’u’llah entre no seu coração.

Nesse momento, o vídeo mostra a energia cósmica de Katy se encontrando com a energia do cristo cósmico Baha’u’llah nas nuvens.

Katy agora encontra-se com ela mesma e rompe a barreira do tempo se vendo como uma menina. Isso mostra a importância dos esotéricos com o ciclo da reencarnação.

Ela agora passa por um outro portal cheio de espelhos e satanás aparece como fotográfo, uma representação de que ela deve abandonar o antigo pacto da fama por algo maior.

Agora ela se encontra debilita e precisa renovar as energias, mas para isso ela precisa passar pela besta de dois chifres. Nesse momento ela faz o sinal chinfrim que representa um pacto de nível mais alto. Ela também mostra o morango para dizer que descobriu o segredo das eras que a besta de dois chifres está escondendo. A sua imagem de menina (uma espécie de renascimento satânico) bate com o pé direito no chão e a besta de dois chifres sobem e liberam o próximo  portal. Essa batida é uma blasfêmia contra o Anjo que tem o poder sobre o mar e a terra descrito em Apocalipse 11 (João e o Livrinho).

Katy agora entra no paraíso ambiental da nova era  e encontra-se com o príncipe em um cavalo branco que representa o Anticristo e o cristo cósmico Baha’u’llah respectivamente (Apocalipse 6 : 2). Aquele banco branco que aparece é uma referência aos jardins do Ridvan que estão no santuário Bahá’i.

Katy dá um soco no príncipe (o anticristo) e parte rumo a uma era espiritual para reconstruir o paraíso na terra através do amor global. Satanás observa tudo através dos olhos do gato de verde ou o gato ambiental.

Katy volta para o seu tempo e se despede do passado, mas o elo entre os mundos continua através do fruto da árvore do conhecimento oculto. A menina pega a sua bicicleta  e parte, o nome que aparece na placa se assemelha ao de nome da Duquesa de Cambridge, Catherine Elizabeth Middleton, uma alusão de que a Duquesa trocará o marido para servir ao cristo cósmico Baha’u’llah. Na próxima cena o fruto do conhecimento se transforma em uma borboleta que representa a transição e renascimento para a nova era de Aquário.

O vídeo termina com a subida de Katy para a próxima música usando um vestido  com várias estrelas de oito pontas, a mesma que se encontra na tumba de Baha´’u’llah, ou seja, isso é uma indicação de que ele subirá do abismo para governar, mas de forma espiritual.

“E a besta que era e já não é, é ela também o oitavo, e é dos sete, e vai à perdição.”  (Apocalipse 17 : 11)

http://www.vagalume.com.br/katy-perry/wide-awake-traducao.html

Anúncios