• março 2012
    S T Q Q S S D
    « fev   abr »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031  
  • Anúncios

Conheça o bônus ambiental e a eco corrupção do Banco do Brasil

Com o passar do tempo a economia verde está se tornando uma grande palhaçada. A última agora foi criada pelo Banco do Brasil e chama-se bônus ambiental.

O tal bônus consiste em uma taxa que será cobrada da conta corrente do  cliente variando  de R$.10,00 a R$.45,00. Ao aceitar um dos pacotes, o Banco do Brasil, em sua suprema “misericórdia”, dará direito ao cliente de imprimir um extratinho básico a mais no caixa.

Parte do dinheiro dessa taxa, que ninguém sabe o valor,  vai para a fundação WWF – Brasil que pretende fazer uma parceria para controlar os empréstimos (ver gráfico sobre recursos financeiros da ordem mundial de Baha’u’llah) para a manutenção da  água (tomara que não consigam fazer esse roubo) em nome do desenvolvimento sustentável.

É aqui que começa a corrupção verde, pois o banco está tirando dinheiro do cliente para emprestar com juros e ter um bom lucro no futuro.

http://www.bb.com.br/portalbb/page22,116,2045,1,1,1,1.bb?codigoMenu=164&codigoNoticia=31633&codigoRet=5553&bread=4

Anúncios

Para cada quilo de carne, são necessários 15 mil litros de água

Dia Mundial da Água: para cada quilo de carne, são necessários 15 mil litros de água, diz FAO

  Resumo da notícia: “São necessários  1.500 litros de água para gerar um quilo de grãos e dez vezes essa quantidade para produzir um quilo de carne, afirma a FAO, por ocasião das comemorações do Dia Mundial da Água.

 Este ano, o tema Água e segurança alimentar reforça a importância da água para a produção alimentar”. Segundo a FAO,  para produzir alimentos suficientes para satisfazer as necessidades diárias de uma pessoa são necessários cerca de 3 mil litros de água. A população mundial, hoje em torno de 7 bilhões, deverá chegar a 9 bilhões até 2050.

 “Se quisermos alimentar esta crescente população, é fundamental produzir mais alimentos utilizando menos água, reduzir perdas e desperdício e ter uma alimentação mais sustentável”, afirma Alan Bojanic, representante regional  da FAO para América Latina e Caribe…”

 Comentário: O depósito geral de alimentos da Nova Ordem Mundial de Baha’u’llah terá como base uma alimentação de frutas e cereais.  A ONU, mais uma vez com suas estatísticas fabricadas, tenta convencer o povo para não se alimentar mais de carne. A desculpa da vez é o uso de água.

  “Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças;”  (I Timóteo 4 : 3)

https://www.fao.org.br/DMApcqcn15mladFAO.asp