Apostasia política invade a igreja batista de lagoinha

“Aquilo que é torto não se pode endireitar; aquilo que falta não se pode calcular.”  (Eclesiastes 1 : 15)

A cada dia aumenta o envolvimento da igreja com a política da nova ordem mundial e seus princípios. Um movimento recente que está conquistando mais adeptos é a “unção profética dos sete montes” criado pelo apóstolo boliviano  Fernando Guillem que atua no ministério da igreja batista de lagoinha.

Segundo a crença do mesmo, os cristãos vão estabelecer um estado teocrático mundial através de sete áreas governamentais.

Esse movimento de apostasia nasceu em 1975 quando os cristãos americanos Bill Brigt, fundador da cruzada estudantil e Loren Cunmingham, fundador da jocum, se encontraram.

O  apóstolo Fernando Guillen acredita que em breve uma unção de conhecimento será liberada e multiplicará o conhecimento dos escolhidos para serem líderes comunitários. A sua afirmação vem após interpretar as profecias de Daniel onde, segundo ele, a palavra conhecimento em hebraico significa consciência profética. E a profecia de Daniel descrita no capítulo 11 não está relacionada ao final dos tempos:

E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará.”  (Daniel 12 : 4)

Abaixo segue algumas considerações sobre esse ministério:

1) Essa unção foi criada por  Bill Brigt que pertence ao imperalismo babilônico americano de igrejas. Em artigos da comunidade Bahá’i ( link no final do post), ele aparece como complemento sobre a importância do jejum esotérico, ou seja, a forma com que isso é feito tem sido praticada por hinduistas, budistas e bahaistas. Esse tipo de jejum leva aos sete montes das  sete cabeças da besta (Apocalipse 17 : 9). Entende-se por montes aqui ajuda espiritual (Salmos 121 : 1), mas nesse caso em deuses do paganismo e também a blasfêmia em usar o nome de JESUS de forma errada. O que Bill Bright e o Apóstolo Fernando estão fazendo é trazer para o mundo material os sete montes descritos em Apocalipse 17:9 e transformando a fé espiritual em uma de ideologia política teocrática global. Todos esses sete montes são áreas estratégicas para o estabelecimento do reinado do cristo cósmico Baha’u’llah e do futuro anticristo. Abaixo segue o plano do apóstolo e o correspondente na ordem mundial de Baha’u’llah.

• Artes & Entretenimento / Educação universal compulsória

• Governo & Política / Uma paz mundial, garantida por um corpo executivo mundial

• Mídia & Comunicação / Independente pesquisa da verdade

• Educação & Ciência / Harmonia essencial entre a  religião e a ciência e Educação universal compulsória

• Família / A Família da diversidade Eliminação de todos os tipos de preconceitos

• Igreja & Religião / Solução espiritual para problemas econômicos em base mundial

• Economia & Negócios /Eliminação dos extremos de riqueza e pobreza

Apenas como exemplo, a área de “Artes & Entretenimento” tem sido setor chave para o candidato a executivo mundial de Baha’u’llah manipular a mente de cada cidadão global. Essa área, por iniciar cristãos  nos mistérios do esoterismo,  será severamente punida no futuro:

“E em ti não se ouvirá mais a voz de harpistas, e de músicos, e de flautistas, e de trombeteiros, e nenhum artífice de arte alguma se achará mais em ti; e ruído de mó em ti não se ouvirá mais;”  (Apocalipse 18 : 22)

2) Os versículos que antecedem  o que foi utilizado pelo Apóstolo descritos em Daniel capítulo 12 são extremamente claros e falam sobre  o avanço da tecnologia no final dos tempos.

3) O mais agravante é que quando esse sistema estiver recebendo a verba do governo mundial irá defendê-la com toda a força entregando qualquer opositor ao governo do Cristo Cósmico Baha’u’llah e do Anticristo pensando que isso é o reino de Deus na terra.

4) No livro do Apóstolo chamado “Os Sete Montes” , o mesmo despreza a existência do comunismo. Ora, Gogue e Magogue serão  nações que vão substituir o sistema capitalista babilônico americano no final dos tempos e não um estado mundial teocrático cristão:

“Exatamente no ano de 2008, com o aumento das diferenças sociais, o aumento da pobreza mundial, a escassez dos recursos naturais, a poluição ambiental e a perda da confiabilidade pelo excesso de crédito sem respaldo financeiro, pudemos presenciar a origem da grande crise financeira mundial, a qual levará à quebra do capitalismo e ao surgimento de um novo sistema econômico. Esse sistema será a economia cristã. (pág 173)”

4) Uma das partes mais bizarras do seu livro é a chegada de “anjos financeiros” do céu  para equilibrar a economia mundial:

“Operação sobrenatural dos anjos financeiros trará vitórias sobre as dívidas, contudo, é importante lembrar de que tudo depende da tua fidelidade com Deus. (pág.183)”

http://bahai.uga.edu/News/031100.html

http://www.apostolofernando.com

http://www.lagoinha.com/ibl-noticia/e-a-cidade-sera-coluna-e-baluarte-da-verdade/

Anúncios