Rainha dos Céus marca presença no “Festival das Promessas” da rede globo

Resumo: É incrível a cegueira espiritual e burrice desses cantores evangélicos (se é que são evangélicos). Sentam  no colo de satanás e não percebem, mas infelizmente isso é necessário para cumprir as profecias sobre o final dos tempos, ou seja, o culto ao cristo cósmico,  sua mãe e adicione  com uma pitada de fábula judaica para temperar a apostasia ecumênica musical.

Uma das músicas do evento cantada por Damares (uma espécie de Ivete sem galo da música gospel)  no “Festival das Promessas” chama-se “Derrama Shekinah”. Deus em sua palavra – glorificado seja ELE- alertou tanto para que os cristãos não dessem ouvidos a fábulas judaicas, mas infelizmente não adiantou:

“Não dando ouvidos às fábulas judaicas, nem aos mandamentos de homens que se desviam da verdade.”  (Tito 1 : 14)

A palavra Shekinah  na cabala judaica é a  faceta da revelação divina aos homens, a “Divina Presença”, sendo também considerada a face “feminina” de deus. Essa palavra não aparece em lugar nenhum da Bíblia, somente nos mistérios cabalísticos.  Ela também representa a energia cósmica universal, um êxtase sobre a alma.

No soterismo, nos mistérios cabalísticos e na igreja católica Shekinah é mais uma personificação da Rainha dos Céus. Até mesmo Baha’u’llah foi iniciado nos mistérios maiores de Shekinah, pois foi a Rainha dos Céus que o batizou com o espírito universal na prisão da  Cova Negra em Teerã no século 19.  É por isso que o evento possui nove cantores, assim temos o culto ao número do cristo cósmico e  sua mãe. . Abaixo transcrevo novamente o encontro da Rainha dos Céus e do cristo cósmico  Baha’u’llah:

“…Em verdade, Nós te faremos vitorioso por Ti mesmo e por Tua pena. Não Te lamentes por aquilo que Te sucedeu, nem tenhas medo, pois estás em segurança. Em breve, Deus erguerá os tesouros da terra – homens que Te ajudarão por Ti mesmo e por Teu Nome, meio pelo qual Deus revificou o coração daqueles que O reconheceram”. Depois Ele viu a Donzela do Céu suspensa diante dEle, falando a Seu ser interno e externo, referindo-Se a Ele como o Mais-Amado dos mundos, A Beleza de Deus, e o poder da soberania de Deus. Bahá’u’lláh descreve como a Donzela, simbolizando o “Mais Elevado Espírito”, apareceu a Ele…”

Agora vamos a dois trechos de músicas que prestam culto a Sheikinah

Damares – Vai derramar, vai derramar, vai derramar, vai derramar, vai derramar a Shekinah (4x)

Aline Barros – Derrama tua Shekinah sobre nós . Não conseguiremos ficar de pé….

O resultado disso é bem conhecido, alguns cristãos evangélicos começam a ficar caindo recebendo um espírito de engano (o famoso cai cai) que antecede a manifestação espiritual de Baha’u’llah e da Rainha dos Céus com o batismo completo do falso espírito santo.

Mas nem tudo está perdido, pois graças a DEUS que nos revela essas artimanhas o evento foi um fiasco e o número de pessoas para manipular  foi bem menor que o esperado.

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/rj/rio-tera-esquema-especial-de-transito-para-evento-religioso-dest/n1597403842953.html

http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=materia/judaismo/37/37.html

http://artigos.netsaber.com.br/resumo_artigo_8457/artigo_sobre_baha%E2