TV Digital- Sinal de alta definição sem interatividade não adianta

inwo_empty_veeA comunidade mundial Bahá’i, inspirada nos ensinamentos de Baha’u’llah, aguarda com grande expectativa a criação do aparelho de comunicação integrado (Internet+Telefonia+TV):

“…É evidente que as décadas de um futuro próximo verão a integração das tecnologias da informática, telefonia e televisão num único sistema unificado de comunicação e informação, cujos aparelhos estarão disponíveis em larga escala e a baixo custo…”(comunidade internacional Bahá’i )

O aparelho de comunicação integrado é fundamental para imbecilizar as massas, além de unir a ganância do capitalismo com a satisfação egocêntrica do comunismo. Isso vai gerar a chamada “ prosperidade e cooperação  global “ descrita abaixo:

Como também da mesma maneira aconteceu nos dias de Ló: Comiam, bebiam, compravam, vendiam, plantavam e edificavam; (Lucas 17 : 28)

Mas para unir o inútil ao desagradável é necessário muito mais que apenas um sinal de digital.

Notícia:

TV Digital- Sinal de alta definição sem interatividade não adianta

A entrada da Televisão Digital no País e sua real funcionabilidade é tema da InfoBrasil 2009, que acontece de hoje à sexta-feira, no Centro de Negócios do Sebrae, na Capital

O desenvolvimento de conteúdos próprios para a TV Digital será discutido de hoje, 26, até sexta-feira, 29, no Centro de Negócios do Sebrae, em Fortaleza. O debate ocorre durante a Feira InfoBrasil, que em 2009 completa 15 anos de existência.

O evento reúne pesquisadores, empresários e estudantes. “Teremos a participação do Ministério das Comunicações, Companhia Docas, além de governos do Nordeste”, adiantou a coordenadora de eventos do Instituto Atlantis, realizador da InfoBrasil, Mara Melo.

Um dos assuntos mais debatidos ultimamente é a real funcionalidade da TV Digital. Segundo especialistas, o simples fato de se ter um sinal em alta definição (Hight Definition) não vale muito sem uma tecnologia que proporcione a interatividade entre produto e consumidor.

O diretor da Cooperativa Pirambu Digital, e coordenador de curso na InfoBrasil, Mauro Oliveira, avalia que o modelo como está não pode ser levado em conta e aponta o grande diferencial da operação brasileira em relação ao mundo. “O desenvolvimento do sistema Ginga, que é genuinamente brasileiro, permite a interatividade na TV Digital”, explica.

Ginga

O projeto foi desenvolvido pelos professores Luiz Fernando Gomes, da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC) e Guido Lemos, titular da Universidade Federal da Paraíba (UFTB). Lemos estará presente à InfoBrasil e fará a palestra “Novas oportunidades para as Indústrias de Software e Educação com a Digitalização de Estações de Televisão” na abertura do segundo dia do congresso.

Segundo Mauro Oliveira, “TV Digital sem interatividade não é TV Digital, é no máximo um aparelho com uma imagem melhorada”. O curso sobre o assunto será dividido em três módulos. O primeiro fornece conceitos sobre o funcionamento do aparelho e suas aplicações, focando na interatividade como principal característica. Nos módulos dois e três serão apresentadas informações técnicas.

Serão apresentadas as etapas de desenvolvimento e aplicações (Ginga-j) e o chamado Ambiente Declarativo (Ginga- NCL). “O primeiro módulo é mais introdutório, já os níveis dois e três, apesar de não ser exigido conhecimento de programação, é desejável pelo menos um nível básico de informática”, comentou Mauro Oliveira.

 O evento InfoBrasil apresenta estandes onde serão expostos produtos e serviços de tecnologia. As palestras e cursos ocorrem durante o 2º Congresso Tecnológico e o Fórum de institutos de pesquisa. “O evento é uma oportunidade de se discutir inovações na área da Tecnologia da Informação dentro das três esferas governamentais”, avaliou Mara Melo.

http://www.opovo.com.br/opovo/economia/880332.html

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: