O Apocalipse adventista – Parte II

Resumo:. O ministério de Ellen G. White (a beata da nova era). O adventismo hoje se transformou na religião babista (religião criada pelo profeta Báb) que serve como a porta para a nova ordem mundial.

a-mente-de-ellen1Para entender esse erro profético temos que voltar ao tempo, no  ano de 1844. No início de dezembro de 1844, o Báb realizou um ritual mágico em Meca para anular o Alcorão e a Bíblia. Ele matou nove animais e circulou  pela caaba Caaba (uma construção dentro da mesquita sagrada de Al Masjid Al-Haram muito reverenciada pelos muçulmanos) formando a estrela de nove pontas e consagrou o número nove para o prometido que veio após ele (Baha’u’llah). Após esse ritual de magia, pessoas chaves para a nova ordem mundial começaram a ter sonhos e visões. Uma delas foi a “profetiza” Ellen White, uma das fundadoras da  Igreja  Adventista do Sétimo Dia. O site Wikipedia (que não é nada confiável) relata parte desse acontecimento:

O Início de Seu Ministério

Ellen White relatou sobre sua primeira experiência visionária em dezembro de 1844, aos 17 anos, não muito tempo depois do Grande Desapontamento de 22 de outubro de 1844.

“Nesta época visitei a irmã H, uma irmã em Cristo cujo coração estava cingido ao meu. Éramos cinco pessoas, todas mulheres, reverentemente curvadas ante o altar da família. Enquanto orávamos, o poder de Deus desceu sobre mim como antes não o experimentara ainda. Pareceu-me estar rodeada de luz, e ir-me elevando acima da Terra.” (Testemunhos Seletos, vol. 2, p. 270)

Wikipedia

Foi através dessa visão que Ellen White deu continuidade ao fiasco cometido por  William Miller quando esse calculou a votla de Cristo para 1844, o que não aconteceu, pois na verdade ele calculou a data da manifestação do Báb.

O Wikipedia escondeu a informação de como ela recebia suas supostas “profecias.”  As visões de Ellen eram precedidas de sensações de sufocamento e desmaio por alguma força oculta, somente após isso ela recebia a visita  de anjos que lhe anunciaram um novo evangelho. Nem mesmo o Neurologista Dr. Molleurus Couperus, que estudou a mente de Ellen, conseguiu chegar a uma conclusão satisfatória ( artigo em inglês).

As visões ou perturbações espirituais de Ellen foram transcritas em nove (o número que representa Baha’u’llah) volumes como descrito abaixo:

As transcrições das visões de White geralmente continham teologia, profecia, ou conselhos pessoais a indivíduos ou a líderes adventistas. Um dos melhores exemplos de seus conselhos pessoais é encontrado em um livro entitulado Testemunhos para a Igreja, uma série de 9 volumes, que contém testemunhos publicados para a edificação geral da igreja.

Abaixo três principais profecias de Ellen:

1) A sua primeira profecia diz que o Papa é a Besta. Como ela não possui qualquer argumento verdadeiro, ela “profetizou” que  o papa usaria uma tiara escrito “VICARIUS FILII DEI” (Vigário do Filho de Deus). Isso deu origem a famosa sominha que hoje não só é usada pelo adventismo, mas também por muitos evangélicos:

V I C A R I V S F I L I I D E I

5 + 1 + 100+1+5+ 1+50+1+1 + 500+ 1= 666

Isso não tem fundamento algum, pois o cálculo da besta se refere ao Sinal, nome e número do homem que criou a nova ordem mundial.

2) Com relação aos Estados Unidos, Ellen White interpretou da seguinte forma: “E tinha dois chifres semelhantes aos de um cordeiro” (Apocalipse 13:1). Os chifres semelhantes aos do cordeiro indicam juventude, inocência e brandura, o que apropriadamente representa o caráter dos Estados Unidos.

A besta de dois chifres e a besta do mar não se unificam formando em uma “grande besta” com Ellen interpretou. São bestas diferentes que trabalham em unidade pela nova ordem mundial.

3) Ellen White também profetizou que os mortos vão “evangelizar” no final dos tempos os vivos, mas o que essa senhora profetizou foi o falso arrebatamento!

Ellen G. White diz que mortos devem falar e voltar a pregar em nossos dias

Nossos Periódicos

Deus me têm dado luz concernente aos nossos periódicos. O que é isto? — Ele tem dito que os mortos devem falar! Como? — Suas obras devem acompanhá-los. Devemos repetir as palavras dos pioneiros de nossa obra(…)A palavra que me é dada é esta, deixem o que estes homens têm escrito no passado ser reproduzido.

Adventistas bereanos

A ordem mundial de Baha’u’llah ,tal como ele a concebeu, e as instituições divinas são protegidas da mídia. Por exemplo: Quando ligamos a televisão – jamais a Casa Universal de Justiça fará algum pronunciamento para a humanidade – e sim a ONU.

Esse mesmo raciocínio vale para a nova ordem mundial. Os dois líderes, que vão assumir o controle da Casa Universal de Justiça e a Guardiania para controlar a ONU,  o Anticristo e seus nove mestres eleitos trabalham de forma discreta.Quem ficará exposto na mídia é a Babilônia financeira (os EUA) e o Papa (o Falso profeta).

A influência da Babilônia Americana na nova ordem pode ser vista em Apocalipse 17:16 quando os dez chifres (que representam o Anticristo e seus nove mestres eleitos) devastarão a América. Mesmo com a nova ordem instalada, a Babilônia Americana ainda possui influência na economia, música e artes em geral em todo o muno. A destruição dessa nação se faz necessária para estabelecer a nova ordem econômica:

E os dez chifres que viste na besta são os que odiarão a prostituta, e a colocarão desolada e nua, e comerão a sua carne, e a queimarão no fogo. (Apocalipse 17 : 16)

Mas em quem a maioria dos cristãos vão acreditar?

1) Em um presidente que tem o controle da economia mundial (nesse caso o presidente da vez Obama) ou em um garoto jovem e depravado como o príncipe William (ou o outro filho da Rainha da Inglaterra) que só aparece em noticias sensacionalistas ? Ora, claro que no presidente.

E algo relativamente mais perigoso: Qual sinal sobrenatural tem o maior valor? Um sinal na tumba de João Paulo II ou na tumba de Baha’u’llah (um homem que quase ninguém conhece)? Sem dúvidas…nesse momento a  fama e popularidade  de João Paulo II falarão mais alto.

Enquanto os cristãos fixam seu olhar na estratégia  da nova  Igreja adventista do Báb (EUA + Papa), não aceitarão a verdade oculta revelada de forma simples para serem arrebatados.

Os adventistas dizem que serão protegidos da marca da besta pelo selo de DEUS, que é a volta da santificação do sábado, mas se esquecem que essa mudança será implantada pelo executivo mundial.

Ele ( O Anticristo), segundo as profecias judaicas,  restabelecerá o Sanhedrin, o supremo tribunal religioso e as leis do povo judeu. Esta é uma condição necessária para a reconstrução do Terceiro Templo (…)Ele restabelecerá o sistema sacrifícios, como também as práticas do Ano Sabático (Shmitá)…

Referências:

http://bahaibr.multiply.com/journal/item/7

http://pt.wikipedia.org/wiki/Ellen_White

http://www.adventistas-bereanos.com.br/maio2004/egwdizquemortosdevemfalar.htm

http://www.cacp.org.br/adventismo/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=13&menu=1&submenu=6

http://www.ellenwhiteexposed.com/port/egw1a.htm

http://iasdvaledoslagos.zip.net/

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: